Cientistas norte-americanos conseguiram realizar uma transferência de memória entre caracóis. Os resultados da pesquisa foram publicados na revista eNeuro nesta semana. 


Nos testes, um dos caracóis recebeu pequenos choques elétricos e um outro não. Em seguida, os cientistas trocaram o RNA entre as duas cobaias. Após o procedimento, o caracol que não tinha recebido o estimulo passou a reagir como se tivesse tomado o choque anteriormente.


O estudo foi um avanço na compreensão no registro de experiências. O resultado seria a comprovação de que a memória tem relação com o RNA das células.





DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here