O começo de 2018 foi especial para a astronomia. No mesmo dia de janeiro, ocorreu uma Superlua, uma Lua Azul e uma Lua de Sangue. O mês de julho não será tão movimentado, mas também terá fenômenos interessantes.  



O primeiro acontecimento astronômico será um eclipse parcial do Sol nesta sexta-feira, dia 13. A última vez que o Sol ficou encoberto nesse mesmo dia do mês e da semana aconteceu há 40 anos. A única região do planeta onde será visível é no sul da Austrália, principalmente na Ilha da Tasmânia.


Já o segundo eclipse total da Lua de 2018 deixará sua marca na história. No dia 27 de julho, o satélite natural da Terra ficará encoberto por 1 hora e 43 minutos e será o eclipse mais longo do século 21, segundo a Nasa. No Brasil, será possível fazer a observação a partir das 16h30 até as 17h22.


Leia também:


Nasa divulga imagens surpreendentes do espaço. Vem ver!





DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here