O Google, da Alphabet, disse nesta terça-feira que vai permitir que algumas bolsas regulamentadas de criptomoedas façam publicidade nos Estados Unidos e no Japão, flexibilizando a proibição anterior de qualquer anúncio de moedas digitais.

As mudanças ocorrerão em outubro e os anunciantes precisarão ser certificados pelo Google para o país onde os anúncios serão exibidos, disse a gigante dos mecanismos de busca em um post no blog.

A companhia disse em março que proibiria anúncios de criptomoedas e ofertas iniciais de moedas a partir de junho.

A ação do Google segue um movimento similar ao do Facebook. A gigante da mídia social permitiu determinados anúncios promovendo criptomoedas e conteúdos relacionados de anunciantes pré-aprovados, ao mesmo tempo em que bania aqueles vinculados a opções binárias e ofertas iniciais de moedas.

A decisão do Google de proibir esses anúncios em março fez com que o preço da criptomoeda mais conhecida, o bitcoin, caísse mais de 10%.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here