A mudança, que começa na semana que vem, chega no momento em que a maior rede social do mundo combate a disseminação de notícias falsas em sua plataforma, que em alguns lugares se tornou um importante canal de distribuição de notícias.

Os “trending topics” representaram, em média, menos de 1,5% dos cliques para os editores de notícias, disse o Facebook, acrescentando que a empresa estava testando maneiras de exibir notícias, incluindo uma “notícias de última hora” e “notícias do dia”.

A qualidade das notícias no Facebook vem sendo questionada depois de supostos agentes russos, spammers com fins lucrativos e outros espalharem notícias falsas no site, incluindo durante a campanha eleitoral de 2016 nos Estados Unidos.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here