O diretor de Gestão de Produto do Facebook, David Baser, reconheceu nesta terça-feira (17) que o Facebook usa utiliza suas diversas ferramentas de marketing para compilar dados de pessoas que não têm conta na rede social. Para ele, trata-se de uma prática comum no setor.

No texto, Baser comentou as “cerca de 40 perguntas” que o presidente da empresa, Mark Zuckerberg, deixou sem resposta em sua audiência declaração perante o Congresso dos Estados Unidos na semana passada para esclarecer como a rede social assegura a privacidade de seus 2,1 bilhões de usuários.

O executivo tentou responder quatro delas. Ao tratando da questão “Quando o Facebook obtém dados sobre pessoas de outros sites ou apps?”, Baser afirmou:

A coleta de dados pela rede social foram de sua plataforma é feita quando um internauta:

De acordo com Baser, essa prática é habitual no setor e é feita por outras grandes empresas.

O diretor diz que o Facebook consegue incluir informações sobre endereço IP do usuário, navegador ou tipo de sistema operacional utilizado, “porque nem todos os sistemas e dispositivos operam com as mesmas caraterísticas”. Os dados são usados para que o Facebook melhore seu “conteúdo e publicidade”.

Estas esclarecimentos acontecem depois da semana passada, quando Zuckerberg compareceu ao Senado e na Câmara dos Representantes dos Estados Unidos para dar explicações pelo escândalo de Cambridge Analytica.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here