Descrição de chapéu

BBC News Brasil


A americana Marion Stokes gravou telejornais nos EUA desde 1979 até sua morte, em 2012. Por trás disso, estava sua preocupação com a manipulação das notícias.

“Ela se preocupava sobre como as histórias eram produzidas, como eram contadas e como se transformavam ao longo do tempo”, diz o filho de Marion, Michael Metelits. “Algo que é obviamente muito atual agora, uma vez que vemos notícias com conteúdo questionável”, acrescenta.

O arquivo de Marion conta com 70 mil fitas VHS. Acredita-se que é o maior arquivo pessoal de notícias de TV do mundo.

“Há um certo valor em poder ver como uma história evolui, mas por outro lado, acho que havia um elemento de acumulação compulsiva que acabou gerando um resultado positivo”, diz Metelits.

Sua vasta coleção de fitas está agora com o Internet Archive, onde está sendo digitalizada e disponibilizada gratuitamente ao público. Sua vida também virou tema de um documentário chamado “Recorder: The Marion Stokes Project”.


BBC News Brasil



LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here