O governador da Califórnia, Jerry Brown, sancionou, na última sexta-feira (29), uma lei que proíbe o uso de robôs, os chamados bots, que tentam simular o comportamento de pessoas reais na internet. 


A nova regra entra em vigor a partir de julho de 2019 e tem como objetivo restringir o uso de bots para influenciar eleitores durante as eleições e para vender produtos pela internet.


Essas contas poderão continuar funcionando no estado norte-americano, mas será preciso notificar os usuários sobre a utilização de uma ferramenta que faz interação automáticas.


No início deste ano, o Twitter assumiu que cerca de 470 mil retweets de postagens de Donald Trump foram realizadas por contas automáticas com origem na Rússia, durante a disputa presidencial de 2016. A candidata Hillary Clinton teve cerca de 50 mil retweets que foram identificados como tendo essa mesma origem. 


O Twitter teria banido mais de 70 milhões de contas falsas ou automáticas, de maio a julho deste ano, que serima responsáveis por espalhar notícias falsas, segundo informações obtidas pelo jornal Washington Post.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here